Transtorno bipolar e seus efeitos na terceira idade

Transtorno bipolar e seus efeitos na terceira idade (17 junho 2020)

O transtorno bipolar em idosos é um distúrbio mental caracterizado pela variação entre o estado depressivo, euforia, mania ou hipomania. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), esse distúrbio afeta cerca de de 140 milhões de pessoas no mundo.

E um dos grupos mais afetados é o da terceira idade. Isso porque, conforme envelhecemos é comum que as funções cognitivas sofram mudanças, criando assim um cenário mais propício para o desenvolvimento desses distúrbios

Quais as consequências do transtorno bipolar em idosos?

Apesar do transtorno bipolar pode aparecer em qualquer idade, é entre os idosos que há uma prevalência. E o grande problema é que, na maioria das vezes, as pessoas acabam com um diagnóstico tardio, que gera várias consequências para o paciente, tais como:

·      Isolamento familiar e social

Por conta das mudanças nas funções cognitivas, é comum que o idoso acabe se afastando de familiares, amigos e outras pessoas, principalmente quando se encontra em estado depressivo. Inclusive, esse tipo de distúrbio pode acabar desencadeando um quadro de depressão profunda.

·      Desgaste emocional

As constantes mudanças de humor também podem contribuir com o desgaste emocional, fazendo assim que o idoso fique instável, tendo até mesmo surtos de agressividade ou de tristeza profunda.

·      Adoção de hábitos nocivos

Por conta dos episódios de euforia e mania, é comum que o idoso com transtorno bipolar também adote hábitos nocivos. Desde se expor a atividades perigosas, até fazer gastos excessivos.

Como garantir um envelhecimento saudável e evitar o transtorno bipolar

Para evitar o surgimento do transtorno bipolar, é importante que as pessoas busquem um envelhecimento saudável. E existem alguns hábitos e atitudes que podem ser adotadas nesse sentido.

·      Incentivo as relações sociais

Os incentivos nas relações sociais têm papel importante para um envelhecimento saudável, uma vez que ajuda a evitar o isolamento familiar e social que pode agravar quadros de diferentes doenças mentais.

·      Adoção de hábitos mais saudáveis no dia a dia

Outro ponto importante para que o idoso consiga envelhecer com mais saúde é a adoção de hábitos mais saudáveis diariamente, uma vez que eles interferem diretamente nas funções cognitivas, mas do corpo como um todo.

A alimentação é um dos aspectos mais importantes, uma vez que existem alimentos que ajudam no combate de radicais livres e até mesmo diminuem os riscos de doenças. Mas os exercícios físicos também devem estar presentes, uma vez que eles mantêm o corpo e a mente ativos.

·      Realização da avaliação neuropsicológica

A avaliação neuropsicológica também é uma das alternativas para estimular um envelhecimento saudável. Isso porque, por meio dela é possível identificar possíveis disfunções cognitivas, como o transtorno bipolar, quando os primeiros sinais estão surgindo.

E por meio desse exame, será possível estimular as partes do cérebro responsáveis por várias funções importantes, evitando assim que esse tipo de distúrbio surja. Dessa maneira, é possível garantir mais qualidade de vida e bem-estar mental para o idoso.

você é profissional de saúde ? Quer saber mais sobre como nossa plataforma computadorizada para avaliação neuropsicológica pode lhe ajudar na sua clinica? Então não deixe de entrar em contato.

 

Nós, da empresa Medical Tecnica somos especialistas em testes neuropsicológicos computadorizados. Temos plataformas computadorizadas com baterias de testes neuropsicológicos para detectar AlzheimerTDAH, Discalculia, dislexia etc. Até oferecemos programas de reabilitação e simulação para CCL, TDAH, discalculia, dislexia, concentração etc.

Entre em contato para marcar uma apresentação online (20 min) e saiba mais sobre nossa plataforma neuropsicológica computadorizada.

 

Comments are closed.